sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Abelha obreira

No dia 23, em jeito de preparação, fomos à festa de Natal do lar Abelha Obreira. Um lar onde vivem muitas das crianças que estudam na escola Bengala Branca. Para quem já conhece de trás, não é difícil de imaginar, que grande parte das crianças que ali vivem são órfãs e cegas. Uma grande parte dos caixotes com roupas que me enviaram ficaram neste lar.

A animação foi grande e é difícil estarmos com eles e não nos sentirmos bem. Há sempre muito contacto pois é assim que vêem e têm mais percepção daquilo que os rodeia. Tivemos um lanche e houve também música e poemas. Alguns especialmente para nós.




O cozinheiro Maurício pediu-me um livro de cozinha. Se alguém tiver algum para enviar…

1 comentário:

alecrim aos molhos disse...

Os canticos de Natal destas crianças , a criativa improvisação dos adereços (latas de sumo com sementes dentro e folhas de papel cortadas ), a intensidade dos afectos partilhados , ajudam-me a sentir e acreditar que "1 gota de água pode encher um oceano".

Miguel , as fotos estão lindas.
O teu blog vai continuar a ser a minha janela aberta para Bissau...
Feliz 2009 com muito boa continuação por aí.
Eu vou me contentando por aqui com este frio mas com o caloroso encontro com a familia.
1 abraço ,
Clara.